Depois de um fim de semana…

Início / Blog / Depois de um fim de semana…

Cherry red summer apple isolated on white

Depois de um fim de semana recheado  de calorias, chegou o momento de retomar nossa rotina alimentar.
Mas infelizmente, essa festa continua por alguns dias, e quem sabe semanas …
Como acabamos por comer muitos doces, sobremesas, abusar da pizza, temos que pensar qual é o PESO desse presente em nossa vida.
É um momento tão delicioso, de relaxamento, afim fim de semana é o descanso dos deuses.
Mas pergunto: Será que acabou ?

Sinto que é como se fosse impossível tomar algumas decisões…SERÁ ?
Lista de ações:
– Traçar metas e seguí-las a risca.
– Recomeçar a atividade física.
– Detectar quais sentimentos a fizeram se sabotar no fim de semana.
BRINCADEIRA????

NÃO!!!!

Realidade… ou quer que o peso das guloseimas se abata sobre seu corpo novamente , que ao final da semana sua calça esteja novamente lhe apertando, ou mesmo os ponteiros da balança subindo ?
Nós podemos fazer opções, é isso é importante ficar claro.
Os excessos se fixam no corpo, e somente voc~e irá se incomodar com esse peso. Tudo o que precisa fazer agora é retomar, nada de se recriminar, e sim, começar a ter comportamentos adequados.

 

Ou ainda quer levar esse PESO adiante?

Luciana Kotaka – Especialista em Obesidade e Transtornos Alimentares

Curitiba-PR
Mostrando 4 comentários
  • Maria do Carmo Schön

    Há muito tempo venho “me presenteando” com estas guloseimas principalmente nos finais de semana. Estou sempre recomeçando e buscando indentificar onde estão os gatilhos que me levam a estas orgias alimentares.

  • bobry

    Olá Luciana!

    Obrigada pela visita e pelo comentário no blog. Fico feliz que tenha gostado da abordagem que uso pra conversar sobre casamento. Um abraço.

  • Hevoise

    Luciana,
    Seus posts sempre ricos! Adoro aqui!
    Beijo. Hevoise

  • Jessica Sousa

    Obrigada pelo seu comentário de apoio!

    Quanto ao seu post, recomeçar o exercício é mesmo o pior para mim… estive uns tempos um pouco cansada, deprimida…comecei a trabalhar e ainda estava numa fase de adaptação a horários, mas finalmente estou-me a sentir melhor e preparada para recomeçar.

    Beijo

Escreva um comentário