:: Notícia – 04/10/2011 – Anvisa Retira Anorexígenos e Mantém Sibutramina

Início / Blog / :: Notícia – 04/10/2011 – Anvisa Retira Anorexígenos e Mantém Sibutramina
 


Anvisa decide retirar anorexígenos do mercado e manter sibutramina com restrições.
Anvisa Retira Anorexígenos e Mantêm Sibutramina 

Durante reunião pública de sua Diretoria Colegiada, realizada nesta terça-feira, dia 04/10, em Brasília, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu retirar do mercado brasileiro três anorexígenos (femproporex, mazindol e anfepramona) e manter os medicamentos à base de sibutramina – ainda que “com novas restrições para comércio e uso”.

Os anorexígenos terão os registros para venda cancelados e devem ser retirados de circulação no prazo de 60 dias. A sibutramina passará por um controle mais rígido, sendo exigido que médico e pacientes assinem um termo de informação sobre a eficácia e a segurança do medicamento.

As decisões foram tomadas após muitos meses de polêmica entre a Anvisa e a classe médica, marcada por  reuniões, debates, audiências públicas e muita argumentação de ambas as partes.

A presidente da ABESO, endocrinologista Rosana Radominski, comentou que a posição da entidade em relação aos anorexígenos “já é bem conhecida. Somos favoráveis à permanência de todos eles no mercado brasileiro”.

Segundo a especialista, “a retirada de três dos quatro medicamentos de ação central e maior restrição do uso da sibutramina deixará um grande número de obesos sem opção terapêutica. Os pacientes com menor poder aquisitivo serão os mais prejudicados, porque não poderão obter o único medicamento que não tem ação central (orlistate), tendo em vista seu alto custo”.

Liminar

A Dra. Rosana Radominski tocou em assunto já divulgado no site da ABESO, em posicionamento divulgado pelo Conselho Federal de Medicina: “O CFM, em conjunto com o Ministério Público, entrarão com uma liminar para suspender a decisão tomada pela Anvisa”.

Para o Dr.Walmir Coutinho – um dos participantes do estudo SCOUT, que esteve no centro da polêmica, citado por médicos e pela Anvisa – “a decisão de proibir femproporex, mazindol e anfepramona e de manter a sibutramina com maior controle de venda no mercado brasileiro não foi uma surpresa. Aconteceu o que eu estava prevendo”.

O especialista, presidente-eleito para 2014/2015 da International Association for the Study of Obesity (IASO), acha que “estão fazendo isso sem justificativa e, na minha opinião, vão querer retirar a sibutramina mais tarde. Só não o fizeram agora devido à pressão dos médicos”.

http://www.abeso.org.br/lenoticia/784/anvisa-retira-anorexigenos-e-mantem-sibutramina.shtml

Escreva um comentário