Tire suas dúvidas sobre o transtorno alimentar durante a gravidez

Início / Blog / Tire suas dúvidas sobre o transtorno alimentar durante a gravidez

A pregorexia se manifesta com o excesso de exercícios e dietas na gestação

 

 

Muitos são os transtornos alimentares que estão sendo identificados – a cada dia eles se tornam um problema mais sério a ser enfrentado. Os transtornos alimentares são perturbações severas do comportamento alimentar, identificados especialmente entre as mulheres. No entanto, os casos vem aumentando significativamente entre os homens.

A anorexia nervosa e a bulimia nervosa são as síndromes mais conhecidas. Mas existem muitas outras que também estão sendo diagnosticadas. Uma em especial, apesar de não ser nova, somente há pouco tempo está sendo caracterizada como doença: a pregorexia.

A pregorexia se caracteriza por ser uma síndrome que mulheres grávidas desenvolvem – em que reduzem o numero de calorias ingeridas e aumentam o nível de atividade física com intuito de não ganharem peso na gestação. A gestante desenvolve uma preocupação excessiva em controlar o seu ganho de peso, e acaba por adotar dietas radicais e desequilibradas, praticando exercícios físicos intensos, e chegando a fazer o uso de laxantes. Nessa fase, existe o risco da desnutrição em consequência da doença, que afeta não só a mãe, mas também o bebê que está sujeito a inúmeras complicações, existindo até a possibilidade de aborto.

“Na gestação é muito importante que a mulher se alimente adequadamente e pratique exercícios físicos com moderação, porém tudo deve ser realizado com acompanhamento de uma equipe especializada, para que a mãe e o bebê permaneçam saudáveis”

Muitos fatores podem influenciar a gestante e alguns deles são bem conhecidos. Não se deve ganhar muito peso na gestação, o que pode causar uma série de problemas para a mãe e o bebê. O contrário também é real, quando a mãe ganha pouco peso – tudo isso junto com a influência da família e da mídia – pode ocorrer o desenvolvimento da pregorexia. Muitas são as modelos e atrizes famosas que após o parto permanecem lindas e magras, estimulando muito o imaginário de muitas grávidas, que acreditam que, se fizerem regime durante a gravidez, terão o mesmo resultado. Elas não levam em consideração o estado real dessas mulheres que a mídia não expõe.

O medo de ganhar muito peso e não conseguir voltar ao corpo magro no período pós-parto assusta muito algumas mulheres. Em algumas delas esse processo pode ser tão importante, que as levam a cuidar de forma excessiva do corpo e da alimentação, se descuidando do bebê.

Algumas pontos de identificação da pregorexia são:

– Preocupação excessiva com as calorias dos alimentos que irá consumir;
– Comer isolada da família, e pular refeições que são importantes para se manter saudável;
– Se referir à sua gravidez de forma irreal, como se não tivesse assimilado o processo pelo qual está passando;
– Exagerar na quantidade dos exercícios físicos praticados;
– Utilização de laxantes e vômitos induzidos.

Na gestação é muito importante que a mulher se alimente adequadamente e pratique exercícios físicos com moderação, porém tudo deve ser realizado com acompanhamento de uma equipe especializada, para que a mãe e o bebê permaneçam saudáveis. Os familiares devem ficar atentos a esse fato, pois a intervenção é fundamental na tentativa de esclarecer os riscos e encaminhar para tratamento psicológico, para que seja possível auxiliar a grávida a mudar seu comportamento.

http://www.minhavida.com.br/familia/materias/15722-tire-suas-duvidas-sobre-o-transtorno-alimentar-durante-a-gravidez

Escreva um comentário

WhatsApp chat Contato pelo WhatsApp